Músicas para dirigir

O assunto “músicas para dirigir” é recorrente entre os amantes de automóveis, e embora o gosto musical realmente seja algo absolutamente pessoal, existem algumas músicas que considero além do gosto pessoal, seja pela questão do ritmo ou pela letra, melhor ainda quando conseguem unir as duas coisas.

Assim, eu tenho algumas músicas favoritas para dirigir, entre as quais destaco, sem medo de errar:

Deep Purple – Highway Star

O clássico da banda inglesa é estupidamente perfeita para dirigir, tenha cuidado com os radares. O riff, do mestre Ritchie Blackmore, acompanhado pelo genial John Lord não permite alguém com sangue nas veias e o mínimo de chumbo no pé direito respeitar os limites de velocidade.

“Nobody gonna take my car, I’m gonna race it to the ground
Nobody gonna beat my car, it’s gonna break the speed of sound
Oh, it’s a killing machine, it’s got everything”

Não vá fazer air guitar durante o solo!

Iron Maiden – Aces High

Sim! Aviação, velocidade e automóveis, assuntos absolutamente correlatos. A versão ao vivo do icônico “Live After Death” de 1985 ainda vem precedida de um discurso de Winston Churchill para inflamar ainda mais o ego do motorista/piloto. Muito cuidado ao dirigir sob a influência do galopante som do baixo do Steve Harris.

“Running, scrambling, flying
Rolling, turning, diving, going in again
Run, live to fly, fly to live, do or die
Run, live to fly, fly to live, Aces high”

Steppenwolf – Born to be Wild

Óbvia, mas nem por isso dispensável. Um clássico, a letra é sensacional e um retrato de um tempo onde radares não estavam por a espreita a todo tempo e não haviam GPS para “beepar” nossa cabeça. Era apenas você, a máquina e seu prazer em guiar. Fantástico.

“Get your motor running
Head out on the highway
Looking for adventure
In whatever comes our way”

Led Zeppelin – Moby Dick/Bonzo’s Montreux

Sentimentos saudosos de John Bonham e dessa banda que tem umas vintes músicas perfeitas para dirigir, mas em tempo de “batidões” infernizando a vida de muitos, nada como um show de percussão do Bonzo! Led Zeppa!!!

Megadeth – 1,320

Dave Mustaine é o maior compositor de riffs thrash na minha opinião, e o cara vai lá e me solta uma porrada thrash automotiva sensacional no álbum Endgame. Recomendo, com ressalvas: Muita responsabilidade, e sem bater cabeça ou fazer air guitar durante os solos rapidíssimo. Essa faria até o Rubens Barrichello socar o pé direito.

“Supercharged, strapped in and screaming
Fire spiting from the pipes
A burnout by the flame throwing fury
8,000 horses ignite
Full throttle, hit the ground running
With a tank full of nitro
And its 1,320′ to go to the finish line”

RUSH – Red Barchetta

RUSH traz poesia ao tema automóvel com essa sensacional composição, onde Neil Peart descreve com toda sua classe uma íntima relação com um Ferrari. História verdadeira ou não, pouco importa. Neil como se sabe é adepto de motociclismo e já viajou por vários países com sua BMW.

“Wind, in my hair
Shifting and drifting
Mechanical music
Adrenalin surge…”

METALLICA – Seek and Destroy

Automóveis lentos na faixa da esquerda, lembrem-se: A faixa da esquerda é destinada à ultrapassagens, dê caminho. Seek, and, Destroooooy!!!!

“We are scanning the scene in the city tonight
We are looking for you to start up a fight
There is an evil feeling in our brains
But it is nothing new you know it drives us insane”

Black Sabbath – Sabra Cadabra

O que dizer de mais um riff sensacional de Tony Iommi, é aumentar o som e deixar o motor acompanhar o andamento da música.

“Feel so good I feel so fine
Love that little lady always on my mind
She gives me lovin’ every night and day
Never gonna leave her
Never going away”

The Gone Jackals – Legacy

Quem com um computador na metade da década de noventa não jogou o fantástico game Full Throttle? Essa é a faixa que faz a abertura desse clássico da Lucas Arts e marcou uma geração, e muitos desses também compartilhavam amor pelos jogos eletrônicos e automóveis. Arrebatador.

“Right now if you drank from
that very same well,
you’d need a run of luck
to score a bed in a trick hotel”

Nazareth – Razamanaz

Antes de qualquer coisa, Love Hurts é a pior coisa feita pelo Nazareth. Dito isso, Razamanz empolga ao volante pelos solos, riffs e som do baixo presente. Algo para ouvir com volume alto, e rodovia livre.

“Were gonna Razamataz ya tonight
Were gonna Razamanaz ya all night
Razamataz, Razamanaz, up on your feet
Let’s see ya dance, dance, dance”

O Terço – Hey Amigo

Bom, esse riff cavalgado, relativamente lento e aparentemente ingênuo é absolutamente obrigatório para mim, pois, meu pai tinha esse som ainda nos tempos de fita K7, do Opala com atena elétrica, som de gaveta autoreverse e amplicadores Tojo. Minha interpretação para a letra: Amigo é meu carro, a canção é o som do motor e o rock, amigo, sou eu e o automóvel pelas rodovias.

AC/DC – The Jack

Obrigatória presença em qualquer lista que relacione música e automóvel. Na verdade, os riffs do AC/DC tem relação imediata com o ato de dirigir, e geralmente não desagrada quem não é autoentusiasta, e nem quem não é adepto do bom e velho rock ‘n roll.

Said she’d never had a Royal Flush
But I should have known
That all the cards were comin’
From the bottom of the pack
And if I’d known what she was dealin’ out
I’d have dealt it back

Fico por aqui, indicações são bem vindas. Deixei bastante coisa de fora, fui apenas pegando as principais que vieram na memória e algumas que já não escutava há bastante tempo.

Um comentário em “Músicas para dirigir

  1. Sensacional seleção, cara! Razamanaz foi muito bem resgatada. Highway Star é tão clássica quanto Highway to Hell (prefiro as mais aceleradas, você sabe🙂

    Além de Highway to Hell, não deixaria de fora alguma dos Ramones (Rock’n’roll Highschool?), Going to Brazil (Motorhead), Bonded by Blood, Antisocial (Anthrax), Paranoid, Arise e, dando uma aceleradinha, Necrophobic

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s