O Cruzeiro, seus inimigos e seu pior problema

O ano de 2011, ainda que o Cruzeiro consiga se livrar do rebaixamento para a segunda divisão do campeonato brasileiro, é algo que os torcedores devem ser esforçar para esquecer. Embora tenha sido Campeão Mineiro, embora na prática o “rural” sirva apenas para impedir o triunfo do maior rival, o clube celeste amargurou a eliminação da Taça Libertadores da América de forma vergonhosa e se arrastou por todo campeonato brasileiro, e agora, na última rodada, depende da vitória no clássico contra o Atlético.

Esse contexto revela diversos problemas da administração do clube durante o ano. O drama começou com as demissões de Antônio Claret e Eduardo Maluf de seus cargos de direção sem aparente motivo. Em seguida o Cruzeiro iniciou sua campanha no Brasileiro e o técnico Cuca decide deixar o clube, também sem apresentar motivo convincente. Trouxeram para assumir o seu lugar o técnico-falastrão Joel Santana, que, embora não tenha atingido resultados muito expressivos, teve aproveitamento médio melhor que àqueles que o sucederam.

Além de Cuca que supostamente deixou o clube por vontade própria, mesmo sem saber os motivos que o levaram a tal decisão, Claret, Maluf e Joel Santana se demonstraram surpresos com a decisão da direção do clube, Joel Santana inclusive manifestou publicamente sua mágoa.

E agora, o maior problema do Cruzeiro é vencer o Atlético na última rodada. Seria uma situação menos complicada se fosse apenas depender de si mesmo, porém a equipe não vem demonstrando qualidade de futebol suficiente para deixar a torcida confiante.

Concorrente direto do Cruzeiro pela permanência na primeira divisão, o Ceará enfrenta o Bahia, time hoje dirigido por Joel Santana. Amargurado que saiu daqui, não é difícil imaginar que o técnico poderá tentar “dar o troco”, colocando um time fraco contra o clube cearense.

Já no Atlético, além da natural rivalidade, estão Cuca e Eduardo Maluf, que no mínimo conhecem bem os problemas que levaram o Cruzeiro a enfrentar esta situação. Teriam também estes profissionais o objetivo de “dar o troco” pra cima do Cruzeiro?

É, torço para que o meu time continue na primeira divisão. E caso isso se concretize, que os responsáveis pelo clube tenham mais consciência em suas decisões.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s