Presidente do Botafogo tenta explicar saída do C13

Em entrevista à ESPN, o Presidente do Botafogo, Maurício Assumpção, que também foi o representante dos clubes cariocas durante a elaboração do edital da concorrência de venda dos direitos de transmissão dos campeonatos brasileiros entre 2012 e 2014, tentou explicar a saída desses times do Clube dos Treze, veja o vídeo da entrevista:

O que até agora ninguém conseguiu esclarecer:

a) Uma emissora que pode investir 1 BILHÃO E 500 MILHÕES DE REAIS em três anos, é incapaz de investir em tecnologia e mão-de-obra para explorar esse investimento?

b) Não é óbvio que a Rede Globo possui uma grade de programas esportivos pois ainda detém boa parte das transmissões de futebol, inclusive o Brasileirão? No caso a RedeTV não iria, naturalmente, aumentar sua grade esportiva para justificar o investimento na compra dos direitos?

c) Um contrato bem negociado não seria capaz de garantir um número mínimo de jogos transmitidos durante as semanas de jogos do campeonato? Qual o motivo de tanto receio da concorrência da Globo comprar estes direitos e não transmitiro os jogos? Aliás, a história mostra que quem sempre fez isso foi a própria Rede Globo.

d) Não é senso comum entre os torcedores que os horários dos jogos transmitidos pela Rede Globo são, absolutamente, ridículos? Impedem o torcedor de comparecer ao estádio e diminuem a audiência, afinal, quem consegue ficar acordado depois de um dia de trabalho e um capítulo de novela?

Lembre-se, torcedor: A licitação foi dividida em quatro mídias, e esse valor é superior ao que vinha sido pago pela Rede Globo para exploração integral das mídias. Com o restante da licitação sendo revelada durante a semana, com os pacotes de pay-per view, internet e celular, os valores ainda serão aumentados, e nossos clubes de coração só tem a ganhar.

Até aqui, vai ficando claro que os clubes não tem interesse que o torcedor saiba quanto cada instituição recebe pelos seus direitos de imagem, fica muito mais fácil arranjar negócios por debaixo do pano quando os valores são meras especulações. Além do fator da livre concorrência, a licitação tem essa importante características de trazer os valores ao conhecimento do torcedor.

Vamos aguardar a abertura dos envelopes para as três mídias restantes, assim o valor integral será conhecido e vamos aguardar o que farão os dirigentes. Será que vão realmente ignorar o valor recorde arrecadado pelo direito de uso de imagens do Campeonato Brasileiro, que poderia ser muito superior se não tivessem jogado contra o próprio patrimônio promovendo esse racha ridículo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s